Epcot

Hoje o post que eu escrevo é sobre um parque de Orlando que ou você ama ou você odeia, não tem meio termo. Então você tem que ir ao Epcot para formar sua própria opinião.
Sei que vocês sempre querem saber a minha opinião, vou escrever aqui sobre, então continue lendo. Antes de qualquer coisa saibam que o nome Epcot é a abreviação de Experimental Prototype Community of Tomorrow. O mesmo foi inaugurado depois que o Walt Disney veio a falecer no ano de 1982 e foi o segundo parque a ser construído no complexo da Disney. Mesmo ele sendo construído sem a presença daquele que o planejou, a equipe que o construiu não fugiu dos planos e manteve a ideia principal dele, mas claro que com algumas mudanças. A principal ideia era que o parque interpretasse uma comunidade futurista em que toda a arquitetura do local carregasse esse tema também. Só que ele tinha a intenção de que pessoas pudessem realmente viver no local e que estariam sujeitos a mudanças tecnológicas diariamente. Isso claro que não seguiu a diante, mas com certeza as raízes prevaleceram. Assim vocês verão uma junção da magia da Disney com elementos futuristas que passam por diferentes partes do mundo.
Como o parque visa o futuro é claro que o mesmo leva brinquedos, simuladores e apresentações que mostram isso, utilizando e abusando de muita tecnologia. Ele é dividido em apenas duas partes, a Future World e a World Showcase. Ao entrar no Epcot você já está dentro da primeira parte mencionada do parque e logo verá uma das principais atrações do local e que também é o símbolo do parque, a bola do Epcot. A parte do Future World é a que possui mais atrativos futuristas e de diversão, já a World Showcase leva várias nações para você explorar. Vou explicar cada uma delas mais detalhadamente para que vocês possam entender.
Future World 
A maioria dos brinquedos e atrações estão concentrados na ala Future World do Epcot. Ali você terá algumas experiências futuristas, essas podem ser destinadas a qualquer idade. Alguns simuladores são voltados apenas para adultos, mas há muito entretenimento e diversão para as crianças. Vou apresentar algumas das melhores atrações dessa parte do parque:
  • Mission Space – Esse é um dos brinquedos mais concorridos do parque (já adianto que não sei o porque, não achei graça nenhuma, além de ter ficado horas na fila). O intuito dessa atração é te fazer se sentir um astronauta durante cinco minutos em um voo que te leva até Marte. Dizem que a pressão dentro do brinquedo é intenso, assim não sendo destinado a pessoas com problemas cardíacos e nem para grávidas. Como muitos passavam mal devido a alteração na gravidade, a Disney fez uma versão mais fraca para evitar esse problema. Então vá na versão “light” primeiro e depois decida se quer ir na outra. Já adianto que não senti a pressão em nenhuma delas.
  • Spaceship Earth – É a famosa “bola do Epcot, sim você pode entrar nela e se divertir. Ela é um brinquedo que mostra a evolução tecnológica da humanidade.
  • Test Track – Outra das principais atrações e que envolve muita tecnologia é a Test Track, essa tem patrocínio da Chevrolet deixando a mesma ainda moderna. Ali você iniciará montando o seu próprio carro, você irá escolher o modelo, o motor, a cor e muitas outras características. Depois você sentará em um carrinho com até mais cinco pessoas e fará alguns testes em seu veículo. Durante o percurso você chega andar a 110km/h e ao fim confere o desempenho que seu carro teve.
  • The Seas With Nemo and Friends – O brinquedo do Nemo é voltado às crianças, mas todo fã do desenho irá adorar essa experiência. Você entrará em um carrinho que tem formato de conchas e que passeiam pelo fundo do mar.
  • Soarin – Já pensou em voar de asa delta? Esse é um simulador tranquilo que sobrevoa e passeia por várias partes do mundo, como a Califórnia, China, Sydney e as Cataratas do Iguaçu. Dica: prendam bem os sapatos, porque os seus pés ficam soltos para dar mais realidade ao brinquedo.
  • Circle of Life – Um filme de conscientização sobre o meio ambiente apresentado pelo personagem Simba do Rei Leão que possui duração de 14 minutos.
  • Club Cool – Local no qual você pode experimentar gratuitamente refrigerantes de diversas partes do mundo.
 
World Showcase
Aqui você estará em um ambiente totalmente diferente, ainda terá alguns traços de modernidade e futurismo. Só que o foco aqui é um pouco diferente. Ele fará com que você viaje por outros países. Ao redor de um grande lago você verá 11 pavilhões temáticos, sendo cada um deles um país. Os 11 países são: México (almocei nesse e amei), Noruega, Japão, China, Itália, Alemanha, França, Reino Unido, Canadá, Estados Unidos e Marrocos. Cada um deles é lindo e realmente aparentam ser um vilarejo que reproduzem os países. Com certeza você terá a sensação de estar realmente nos países, então aprecie e vá com calma passear por esse local. Você verá elementos dos locais, costumes e culturas deles. Só que saibam que essa parte só abre depois das 11 da manhã.  Antes de pensar que as áreas dos países são só para ficar olhando e passear, já vou dizendo que não é bem assim. Dentro de algumas delas tem algumas atrações, como na da China que tem um filme de 360º que apresentam as belezas chinesas.
Frozen Ever After 
Um dos mais novos brinquedos do Epcot é o Frozen Ever After. Você fará um passeio de barco no escuro que passa por cenários do filme Frozen com personagens e músicas do mesmo. Como essa é uma das atrações mais requisitadas não só do parque mais de toda a Disney vale a pena você adquirir um fast pass para pegar a fila menor ou vá bem cedo nele. Para saber onde ele está localizado e ser o primeiro a chegar, saiba que ele está na parte do World Showcase. Tenho a certeza que sairão de lá cantando “Let it go!”.
Show IlumiNations: Reflections of Earth 
Definitivamente um espetáculo que acontece todos os dias à noite. Normalmente começa as 21h, mas o horário dependendo da data pode variar, então confiram ao chegar no parque qual o momento que ele ocorrerá. Antes de pensar que o show acontece muito tarde, saiba que ele é maravilhoso e vale a pena ser assistido. Todavia concordo que o mesmo poderia ser mais cedo, já que você chega cedo no parque e estará cansado nesse horário. O local em que ele acontece é no centro do lago do World Showcase. Ele é um show com duração de 13 minutos que envolve de fogos de artifício, água, laser, imagens e muita música, seguindo o tema de evolução da Terra.
Onde comer no Epcot
Com certeza vocês devem almoçar ou comer besteiras em algum dos 11 países, neles você poderá escolher comidas típicas de algum dos países. Eu fiz a minha parada de almoço no México e ameeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeei os nachos e o chilli. Acredito que se eu voltar nesse parque é só para comer outra vez nesse lugar. Agora uma dica para os amantes de cervejas, vão até o pavilhão da Alemanha e experimente alguns tipos de cervejas alemãs que lá vendem.
Ingressos do Epcot
Os ingressos podem ser adquiridos pela internet ou na entrada de qualquer parque da Disney. Lembrem-se que se comprar apenas o ticket para esse parque o valor ficará um pouco mais caro do que se comprar combinado com outro parque. Agora se insistirem em comprar apenas o ingresso do Epcot o valor gira em torno de US$ 99,00.
 
 E aí vocês já sabem se amei ou odiei o Epcot? Por mais que contei como o local funciona, saiba que ele não me ganhou nenhum pouco. Não sei se devido a época do ano e o parque estar cheio não consegui aproveitar totalmente o local. Não conheci com calma os pavilhões dos países, fiz eles correndo devido ter ficado muitas horas nas filas dos brinquedos que para mim são os mais sem graça de todos os parques. Eram para abusar de tecnologia e te envolver no futuro, mas não consegui ver isso. Então se eu voltasse a Orlando com certeza seria o último parque que eu colocaria na lista.
Mais informações:
Epcot
Site: Epcot
Salve esse post no Pinterest!

Comments

comments

Deixe um comentário